por
Lingopass
26.1.2024

Setor automotivo global: Previsões para 2024

Dando as boas-vindas a um novo ano, é hora de explorar as tendências que o setor automotivo está prestes a percorrer em 2024. Um ano repleto de expectativas, marcado por mudanças substanciais e inovações que moldarão o futuro dos automóveis.

Velocidade redefinida para veículos elétricos

Enquanto as vendas de veículos elétricos experimentam uma desaceleração em 2024, é inegável que ainda estão em ascensão em nível global. Nos Estados Unidos, projeta-se um crescimento de 16%, em comparação com os impressionantes 64% registrados em 2023. No Brasil, a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE) prevê um aumento anual de 60% nas vendas, totalizando 150 mil carros vendidos. Já na China, o crescimento previsto é de 11,1%, enfrentando desafios como incentivos reduzidos e a constante evolução da infraestrutura de recarga.

A adaptação estratégica dos líderes do setor, exemplificada pela redução de preços, sinaliza uma abordagem mais acessível para atrair um mercado mais amplo. Mesmo diante da desaceleração momentânea, o cenário global das vendas de veículos elétricos permanece promissor, impulsionado por ajustes estratégicos e a contínua busca por soluções sustentáveis no setor automotivo.

A China como epicentro global dos veículos elétricos

A China consolidou sua posição como líder global na indústria de veículos elétricos (VEs), representando notáveis 60% das vendas mundiais e impulsionando o crescimento sustentado da categoria. O governo chinês desempenhou um papel fundamental nesse sucesso, investindo mais de US$ 29 bilhões em subsídios desde 2009, estimulando tanto a produção quanto a demanda por VEs. Essa estratégia resultou em 6,8 milhões de unidades vendidas em 2022, solidificando a China como epicentro da revolução dos veículos elétricos.

Além dos incentivos financeiros, parcerias estratégicas com empresas como BYD e a presença significativa da Tesla fortaleceram a expertise da China na cadeia global de suprimentos de VEs. Essas colaborações não apenas contribuíram para a inovação constante da indústria, mas também consolidaram a posição do país como líder mundial na produção e desenvolvimento de veículos elétricos. Esse domínio estratégico permitiu à China vislumbrar não apenas o presente, mas também o futuro, com a ambiciosa meta de conquistar 12% do mercado europeu de VEs até 2025.

Ao observarmos os elegantes veículos elétricos em circulação global, é evidente que a China não apenas lidera o mercado, mas também se destaca como um catalisador essencial na transição para a mobilidade sustentável. Sua presença global sólida, a capacidade de inovação contínua e o comprometimento em atingir metas ambiciosas, como a expansão para o mercado europeu, reforçam a influência da China não apenas como líder, mas como um determinante chave no futuro da indústria de veículos elétricos em escala global.

Compras de carros online: A revolução digital

O comércio online de automóveis está em ascensão, prevendo-se que alcance entre 7,1 e 7,3 milhões de dólares em unidades até 2024. Fabricantes de veículos elétricos lideram essa mudança, proporcionando aos consumidores uma experiência de compra transparente e conveniente. A América do Norte lidera esse movimento, enquanto a região Ásia-Pacífico se recupera rapidamente, impulsionada pela adoção tecnológica das gerações mais jovens.

Setor automotivo global: Previsões para 2024

por
Lingopass
26.1.2024
Tempo de leitura:
5 minutos

Dando as boas-vindas a um novo ano, é hora de explorar as tendências que o setor automotivo está prestes a percorrer em 2024. Um ano repleto de expectativas, marcado por mudanças substanciais e inovações que moldarão o futuro dos automóveis.

Velocidade redefinida para veículos elétricos

Enquanto as vendas de veículos elétricos experimentam uma desaceleração em 2024, é inegável que ainda estão em ascensão em nível global. Nos Estados Unidos, projeta-se um crescimento de 16%, em comparação com os impressionantes 64% registrados em 2023. No Brasil, a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE) prevê um aumento anual de 60% nas vendas, totalizando 150 mil carros vendidos. Já na China, o crescimento previsto é de 11,1%, enfrentando desafios como incentivos reduzidos e a constante evolução da infraestrutura de recarga.

A adaptação estratégica dos líderes do setor, exemplificada pela redução de preços, sinaliza uma abordagem mais acessível para atrair um mercado mais amplo. Mesmo diante da desaceleração momentânea, o cenário global das vendas de veículos elétricos permanece promissor, impulsionado por ajustes estratégicos e a contínua busca por soluções sustentáveis no setor automotivo.

A China como epicentro global dos veículos elétricos

A China consolidou sua posição como líder global na indústria de veículos elétricos (VEs), representando notáveis 60% das vendas mundiais e impulsionando o crescimento sustentado da categoria. O governo chinês desempenhou um papel fundamental nesse sucesso, investindo mais de US$ 29 bilhões em subsídios desde 2009, estimulando tanto a produção quanto a demanda por VEs. Essa estratégia resultou em 6,8 milhões de unidades vendidas em 2022, solidificando a China como epicentro da revolução dos veículos elétricos.

Além dos incentivos financeiros, parcerias estratégicas com empresas como BYD e a presença significativa da Tesla fortaleceram a expertise da China na cadeia global de suprimentos de VEs. Essas colaborações não apenas contribuíram para a inovação constante da indústria, mas também consolidaram a posição do país como líder mundial na produção e desenvolvimento de veículos elétricos. Esse domínio estratégico permitiu à China vislumbrar não apenas o presente, mas também o futuro, com a ambiciosa meta de conquistar 12% do mercado europeu de VEs até 2025.

Ao observarmos os elegantes veículos elétricos em circulação global, é evidente que a China não apenas lidera o mercado, mas também se destaca como um catalisador essencial na transição para a mobilidade sustentável. Sua presença global sólida, a capacidade de inovação contínua e o comprometimento em atingir metas ambiciosas, como a expansão para o mercado europeu, reforçam a influência da China não apenas como líder, mas como um determinante chave no futuro da indústria de veículos elétricos em escala global.

Compras de carros online: A revolução digital

O comércio online de automóveis está em ascensão, prevendo-se que alcance entre 7,1 e 7,3 milhões de dólares em unidades até 2024. Fabricantes de veículos elétricos lideram essa mudança, proporcionando aos consumidores uma experiência de compra transparente e conveniente. A América do Norte lidera esse movimento, enquanto a região Ásia-Pacífico se recupera rapidamente, impulsionada pela adoção tecnológica das gerações mais jovens.

Carros de luxo: Uma nova era no setor automotivo brasileiro

Segundo a Forbes Brasil, o mercado de automóveis de luxo no Brasil representa 2% das vendas totais de veículos, com cerca de 40 mil unidades vendidas anualmente em um universo de 2 milhões de carros. Este segmento, associado a exclusividade, sucesso e inovação, tem evoluído rapidamente com a introdução de carros elétricos, híbridos e avanços tecnológicos, como sistemas de assistência ao motorista e conectividade.

Apesar de ser um atributo crucial, a tecnologia embarcada tornou-se um desafio devido à crise de abastecimento de semicondutores causada pela pandemia, resultando em longos prazos de espera. O mercado de carros de luxo no Brasil, como nicho, possui potencial de crescimento, impulsionado pelo aumento da renda, surgimento de novos clientes devido a mudanças nos hábitos e ênfase na sustentabilidade, além do desenvolvimento de serviços de mobilidade.

De acordo com o relatório "Global Wealth Report" do Credit Suisse, prevê-se um crescimento de 115% no número de milionários no Brasil até 2026, passando de 266 mil para 572 mil.

O futuro é agora: Infraestrutura para veículos elétricos

Em 2024, espera-se um aumento expressivo nas estações de carregamento, atingindo cerca de 2 milhões em todo o mundo. Governos e fabricantes investem pesadamente nessa infraestrutura, destacando-se o carregamento rápido de CC (fast charge DC) e o ultrarrápido. A China lidera esse cenário, prevendo-se que suas tecnologias de carregamento rápido tripliquem até 2024.

Carros usados em destaque

Em agosto do ano passado, as transações de carros usados atingiram o ápice do ano, registrando um volume total de 1.372.783 veículos trocando de titularidade, conforme dados divulgados pela Fenabrave. Apesar da desaceleração observada no mercado de veículos novos após o término dos descontos tributários, as vendas de automóveis usados mostraram um desempenho robusto, com destaque para o aumento de 12,4% nas transações de automóveis de passeio e comerciais leves em relação a julho de 2023, e uma elevação de 5,1% em comparação com agosto de 2022.

O cenário de crescimento se estende para o acumulado, apresentando um aumento de 5,3%. Em agosto, os carros seminovos, com até três anos de fabricação, representaram 10,9% do total de transações, contribuindo para 9,7% do número acumulado no período. O presidente da Fenabrave, Andreta Jr., ressaltou a resiliência do mercado de usados, mesmo diante das dinâmicas do mercado de veículos novos.

Conectividade 5G

A chegada do 5G está prestes a revolucionar o setor automotivo, trazendo melhorias significativas na automação, segurança e eficiência das fábricas. Espera-se um crescimento notável, entre 30% e 35% ao ano, na adoção do 5G nos próximos anos, abrindo caminho para a visão do "carro como uma solução de vida conectada".

Com transmissão de dados mais rápida e menor latência, o 5G permite uma comunicação instantânea entre veículos, infraestrutura viária e sistemas de controle. Essa melhoria eleva a segurança nas estradas, possibilitando sistemas avançados de assistência ao motorista, e impulsiona as fábricas automotivas, facilitando a automação e otimização de processos. O 5G está, assim, moldando o futuro em que os veículos não são apenas meios de transporte, mas elementos centrais em uma rede interconectada, redefinindo a experiência do usuário.

IA Generativa

A ascensão da inteligência artificial generativa está efetivamente redefinindo as fronteiras do setor automotivo, desempenhando um papel crucial desde o design inovador de veículos até a implementação de sistemas avançados de manutenção preditiva. Grandes empresas automotivas, incluindo gigantes como Toyota, BMW e Tesla, estão liderando essa revolução tecnológica, marcando uma clara transição em direção a veículos não apenas mais inteligentes, mas também altamente personalizáveis.

No âmbito do design, a inteligência artificial generativa capacita os engenheiros a explorar e criar conceitos de veículos de maneiras inéditas, acelerando o processo criativo e fomentando a inovação estilística. Além disso, no campo da manutenção preditiva, essa tecnologia utiliza algoritmos avançados para analisar dados em tempo real, antecipando potenciais falhas mecânicas e otimizando a eficiência operacional dos veículos.

A adoção crescente da inteligência artificial generativa sinaliza não apenas uma evolução tecnológica, mas também uma mudança cultural no setor automotivo, onde a personalização e a adaptação contínua estão se tornando elementos fundamentais na oferta de produtos e serviços, refletindo uma abordagem mais centrada no usuário e nas demandas do mercado moderno.

À medida que mergulhamos em 2024, o setor automotivo embarca em uma jornada emocionante, repleta de avanços tecnológicos e experiências transformadoras. Apesar da desaceleração, as perspectivas apontam para um futuro vibrante, onde o setor avança em direção à marca de 100 milhões de dólares em unidades vendidas até 2026.
Estamos prontos para descobrir as surpresas que este ano nos reserva!

Ver também:
17.5.24
Tendências e desafios do setor automotivo no Brasil
22.4.24
Anfavea: O setor automotivo vai investir R$ 125 bilhões no Brasil até 2032.
3.4.24
Políticas de redução de emissão de CO2 vão impactar o mercado de transportes. Entenda!
Faça Aulas gratuitas de conversação:
Sou Aluno
Seta apontando para a diagonal alta direita. Representando um link para outra página
lingonews
Receba novidades e conteúdos exclusivos em nossas newsletters.
Obrigado por se cadastrar!
Email inválido. Tente novamente ou use outro email.
Estamos na lista das 100 Latam EdTech mais promissoras de 2022 e 2023, pela HolonIQ
Estamos na lista de 100 Startups to Watch, pela Pequenas Empresas e Grandes Negócios
Acelerado por grandes parceiros:
©Lingopass - todos os direitos reservados. Termo de Uso e Política de Privacidade