Tamanho da empresa
+10.000 colaboradores
Setor
Órgão Federal
Sede
Brasil
Fundação
1944
Utiliza Lingopass
Desde 2021
para sua empresa
Seta apontando para a diagonal alta direita. Representando um link para outra página
Case
Academia Nacional da Polícia Federal
A Polícia Federal apostou no Lingopass para capacitar 1000 servidores em 3 idiomas
Entre 2021 e 2022, implementamos um projeto que capacitou policiais para atuação em controle migratório, registro de estrangeiros e cooperação internacional, transformando a Polícia Federal em uma Learning Organization. O contrato foi renovado e continua vigente.
1300
testes de nivelamento em 3 idiomas
1.000
mil usuários ativos
+200 mil
horas de atividades concluídas em 24 meses

O contrato

Em 2021, o Lingopass competiu com empresas como a Rosetta Stone e foi selecionado por meio de um processo de licitação conduzido pela Academia Nacional de Polícia, sob a supervisão da Diretoria de Ensino, para fornecer capacitação online em três idiomas (inglês, espanhol e francês) para 800 servidores da Polícia Federal. O objetivo era preparar esses servidores para suas funções, que consistem em defender a sociedade e a Constituição Federal, enfrentando a criminalidade e preservando o estado democrático de direito.

Atualmente, a identidade estratégica da Polícia Federal é delineada da seguinte forma:

Missão: Defender a sociedade e a Constituição Federal, enfrentando a criminalidade e preservando o estado democrático de direito.

Visão: Ser referência em segurança pública, preservando direitos e fortalecendo-se como órgão de Estado.

Valores: Integridade, inovação, imparcialidade, eficiência e ética.

O programa foi tão bem-sucedido que foi expandido para incluir mais 200 alunos, totalizando 1.000 policiais sendo treinados em todo o Brasil e no exterior. Desde então, o contrato foi renovado e permanece em vigor.

O cliente

A Academia Nacional de Polícia (ANP), sob a supervisão da Diretoria de Ensino, tem a responsabilidade de estabelecer os programas de treinamento e capacitação no âmbito da Polícia Federal. 

Sua missão primordial é delineado da seguinte forma:

Missão: Promover formação e capacitação em Segurança Pública para defesa da Sociedade, da Constituição Federal e do Estado Democrático de Direito.

Visão: Ser uma academia de polícia moderna e inovadora, reconhecida pela excelência na formação e capacitação em Segurança Pública.

Valores: Integridade, inovação, imparcialidade, eficiência e ética.

A Polícia Federal enfrenta uma variedade de situações em que a competência linguística se revela um recurso inestimável. Isso abrange desde operações da Interpol, com foco no idioma oficial francês, até o atendimento a estrangeiros, defesa de fronteiras, difusão da doutrina da PF em outros países, integração e cooperação com outras polícias utilizando o inglês e atuação em representações consulares.

Cooperação internacional

A cooperação e colaboração internacional demandam que os policiais brasileiros sejam proficientes em diversos idiomas, destacando-se o inglês, preparando-os para uma comunicação eficaz em um ambiente internacional no qual a compreensão precisa dos conceitos e regulamentações internacionais para desempenhar um papel estratégico. Assim, a Polícia Federal (PF) do Brasil trabalha em estreita colaboração com a Interpol - Organização Internacional de Polícia Criminal - ao defender a população, compartilhando informações de inteligência e participando de operações policiais internacionais. 

É importante ressaltar que a Interpol utiliza o francês como língua oficial para comunicação entre policiais em diferentes países. Além disso, a Interpol emite alertas internacionais, conhecidos como "notices", que podem ser usados para solicitar a localização e a extradição de indivíduos procurados internacionalmente. A PF pode utilizar esses alertas da Interpol em suas investigações e operações.

Controle de imigração e acolhimento de refugiados

Nas fronteiras, a interação com estrangeiros é constante. A habilidade de se comunicar em espanhol e até em francês é essencial para conduzir verificações rigorosas, assegurando a aplicação de abordagens profissionais e acolhedoras. Esse requisito também se aplica ao acolhimento de refugiados no Brasil, onde a comunicação sensível e eficaz desempenha um papel vital na transmissão de compreensão e solidariedade.

Estrangeiros no território brasileiro

Na atuação da defesa de fronteira pela Polícia Federal (PF) para assegurar uma entrada segura dos estrangeiros em território nacional, a comunicação bilíngue é fundamental. Em situações como esta, onde vidas podem estar em risco, estabelecer um diálogo eficaz é de extrema importância.

O domínio de idiomas desempenha um papel crucial, permitindo uma interação precisa e compreensiva com os indivíduos envolvidos. Além de facilitar a coleta de informações essenciais, como identificação pessoal completa - incluindo nome, nacionalidade e documento de identificação - bem como o histórico de viagens e o propósito das visitas anteriores, entre outros.

Qualquer informação relevante para determinar a legalidade e a segurança da entrada do indivíduo no país pode ser vital para a atuação da Polícia Federal.

Missões consulares no exterior

Quando estão alocados em embaixadas ou unidades consulares, os policiais federais têm a responsabilidade de representar a aplicação da lei brasileira em território estrangeiro, tornando a competência linguística essencial para o êxito das interações diplomáticas e operacionais.

A capacidade de compreender, falar e interpretar outras línguas não apenas facilita a cooperação internacional, mas também fortalece a eficácia das operações conjuntas, a troca de informações e a compreensão intercultural.

O desafio

A ANP reconheceu a necessidade de aprimoramento em idiomas devido ao aumento das demandas relacionadas ao controle migratório, registro de estrangeiros, cooperação internacional e reuniões de gestão. No entanto, enfrentava desafios específicos que exigiam uma solução de capacitação 100% online e totalmente integrada:

Diversidade de idiomas

A necessidade de oferecer treinamento em uma variedade de idiomas para atender às demandas multilíngues.

Desigualdade nos níveis de proficiência

Adaptar o treinamento para atender tanto a iniciantes quanto a profissionais com diferentes níveis de proficiência linguística.

Diversidade de fusos horários e contextos de aplicação do idioma

Considerar a diversidade de fusos horários e os contextos específicos em que os idiomas seriam aplicados.

Limitações de agenda e acesso à internet

Levar em conta as limitações de agenda dos participantes e a disponibilidade de acesso à internet em diferentes locais de treinamento.

A solução

Houve visitas técnicas em Brasília, pesquisas internas e de mercado com a PF, além de compreendermos a principal necessidade da organização e como poderíamos nos destacar dos concorrentes. Por meio desse processo meticuloso, o Lingopass venceu o processo licitatório e iniciou a implementação de um projeto altamente inovador destinado a aprimorar a capacitação em idiomas, com uma estreita supervisão da Academia de Idiomas. Esse processo seguiu rigorosamente o escopo e as especificações estabelecidas no Edital de licitação:

  1. Nivelamento online em inglês, espanhol e francês.
  2. Capacitação multilíngue do nível iniciante (A1-CEFR) até o mais avançado(C2-CEFR).
  3. Plataforma EAD com acesso contínuo e ampla diversidade de recursos e funcionalidades, inclusive tutoria e laboratório de pronúncia, permitindo o desenvolvimento de todas as habilidades comunicativas de forma integrada.
  4. Aulas ao Vivo de conversação, diárias, em horários flexíveis.
  5. Avaliações periódicas para medir o progresso individual.
  6. Material didático digital acessível e otimizado para dispositivos móveis.
  7. Recursos offline para estudo sem conexão à internet.
  8. Licenças transmissíveis para substituição de alunos/servidores.
  9. Dashboard e monitoramento de métricas, com entrega de relatórios detalhados.
  10. Suporte técnico e pedagógico ágil, tanto para o aluno quanto para os gestores

Extra mile

Fomos muito além da demanda, acompanhando o gestor e seu time, antecipando demandas e atendendo solicitações dos servidores/alunos.

  • Equipe e gerente de conta dedicados, liderados por Tainã Anjos, atuaram como contatos principais para a administração do programa, auxiliando, apoiando e direcionando todas as atividades relativas ao projeto durante toda a vigência do contrato.
  • Dashboard interativo e personalizável, acessível em tempo real, apresentando métricas de engajamento, progresso e desempenho por aluno e por unidade/setor, com tempo estimado para conclusão.
  • Relatórios periódicos, gerados a partir das informações coletadas pelo do uso dos alunos (e do próprio gestor) com análises, com as principais métricas que avaliam o aprendizado. Os relatórios permitem que um gestor que não seja da área de educação consiga avaliar, controlar, fiscalizar, corrigir, aperfeiçoar a execução da iniciativa.
  • Avaliação rigorosa de aquisição do conhecimento: ao longo e no final de cada curso/trilha, o aluno deverá realizar avaliações de rendimento, visando aferir os conhecimentos adquiridos. Os gestores, quando contratam uma solução corporativa, precisam da garantia que os alunos aprendam o conteúdo e sejam capazes de aplicá-lo em suas rotinas de trabalho.

Uma interface integrada: aposta da estratégia de treinamento

O Lingopass, vencedora no processo de licitação da ANP e especializada em aprendizagem de idiomas para adultos, ofereceu uma interface personalizada para atender às diversas demandas e desafios de treinamento enfrentados.

  • A plataforma proporciona uma ampla gama de recursos de treinamento, tudo em um único local, com planos de estudos personalizados para cada usuário.
  • A navegabilidade em diversos dispositivos oferece aos usuários a flexibilidade de estudar em seus horários e locais de conveniência, permitindo a comunicação direta com tutores, incluindo a possibilidade de fazer comentários, interagir e fazer perguntas diretamente pela plataforma.
  • O conteúdo didático é contemporâneo e inovador, elaborado por uma equipe altamente especializada em design instrucional. Além disso, essa equipe realiza uma curadoria de materiais de atualidade, oriundos de fontes confiáveis.
  • Vários canais de interação incentivam a colaboração entre pares, a começar pelas aulas ao vivo, personalizadas para cada divisão da Polícia Federal e adaptadas às necessidades específicas de cada turma/departamentos.
  • Com licenças transferíveis entre usuários e idiomas, os gestores otimizam a alocação de recursos, acompanhando e designando cursos e trilhas de aprendizado para aqueles que realmente necessitavam e estavam comprometidos com a aprendizagem.

O Resultado

Ao término do segundo ano do programa:

Licenças ativas na plataforma: 1.000, sendo ⅔ para o idioma inglês

Horas de estudo: +70 mil

Atividades concluídas: + 200 mil

Lista de espera: + 200 servidores aguardando no momento

Desempenho médio: 91,5/100, indicando um alto nível de aproveitamento.

Certificados entregues: 1700

  • 15% da base da base concluiu mais de 4 níveis no período
  • 25% concluiu mais de 3 níveis no período

Índice de satisfação:

  • Satisfação Plataforma (NPS-Net Promoter Score): 71, "Muito bom"
  • Satisfação Plataforma tutores (CSAT- Customer Satisfaction Score): 87. “Excelente”

Testes de nivelamento:

  • +1.300 testes realizados nos 3 idiomas
  • 70% dos usuários iniciaram seus estudos no nível iniciante (A1-CEFR)
“Além de aprender o idioma, o curso apresentou assuntos sobre a cultura de outros países. Por este motivo, achei o curso muito bom pois além de ampliar o meu conhecimento na língua inglesa, aprendi sobre a história e a cultura de outros países.” Agente da Polícia Federal - RJ

Lingopass: abrindo novas fronteiras para o aprendizado de idiomas em larga escala e contextos específicos

O programa de capacitação em idiomas da Polícia Federal, com o Lingopass como um de seus pilares, não apenas alcançou, mas superou com sucesso os principais objetivos de treinamento estabelecidos para seus agentes.

A plataforma desempenhou um papel fundamental nesse êxito, proporcionando aos alunos acesso flexível às ferramentas de treinamento online, em sintonia com as demandas por métodos de aprendizado mais adaptáveis.

A Polícia Federal hoje conta com um total de mais de 14 mil servidores no Brasil, conforme os dados disponibilizados na seção 'Distribuição dos servidores por órgão/entidade vinculada 2024' pelo Portal da Transparência do governo. Dentro desse número, existem 2.850 policiais mulheres ocupando essas posições, o que equivale a 20% do total.

Na plataforma Lingopass, valorizamos a diversidade e, para contribuir com esse princípio, realizamos uma análise demográfica dos participantes. Constatamos que, dos 1.000 alunos matriculados, 23% são mulheres e 76% são homens. Além disso, 77% dos alunos estão na faixa etária entre 36 e 55 anos. A presença diversificada em termos geográficos, com foco no Centro-Oeste e em seis estados, demonstra a eficácia da plataforma em alcançar alunos em diversas regiões.

Para a Polícia Federal, o Lingopass não apenas facilitou a transição para o treinamento digital, mas também se tornou uma peça central na estratégia de capacitação da instituição. A plataforma permitiu que a Polícia Federal mantivesse seus agentes preparados e competitivos, mesmo em momentos desafiadores. Além disso, a ampla distribuição geográfica dos alunos em todo o Brasil foi atendida com sucesso devido à natureza acessível e online do Lingopass. O resultado final é a transformação da Polícia Federal em uma verdadeira Organização de Aprendizado, pronta para enfrentar os desafios em constante evolução do cenário de segurança nacional.

O contrato

Em 2021, o Lingopass competiu com empresas como a Rosetta Stone e foi selecionado por meio de um processo de licitação conduzido pela Academia Nacional de Polícia, sob a supervisão da Diretoria de Ensino, para fornecer capacitação online em três idiomas (inglês, espanhol e francês) para 800 servidores da Polícia Federal. O objetivo era preparar esses servidores para suas funções, que consistem em defender a sociedade e a Constituição Federal, enfrentando a criminalidade e preservando o estado democrático de direito.

Atualmente, a identidade estratégica da Polícia Federal é delineada da seguinte forma:

Missão: Defender a sociedade e a Constituição Federal, enfrentando a criminalidade e preservando o estado democrático de direito.

Visão: Ser referência em segurança pública, preservando direitos e fortalecendo-se como órgão de Estado.

Valores: Integridade, inovação, imparcialidade, eficiência e ética.

O programa foi tão bem-sucedido que foi expandido para incluir mais 200 alunos, totalizando 1.000 policiais sendo treinados em todo o Brasil e no exterior. Desde então, o contrato foi renovado e permanece em vigor.

O cliente

A Academia Nacional de Polícia (ANP), sob a supervisão da Diretoria de Ensino, tem a responsabilidade de estabelecer os programas de treinamento e capacitação no âmbito da Polícia Federal. 

Sua missão primordial é delineado da seguinte forma:

Missão: Promover formação e capacitação em Segurança Pública para defesa da Sociedade, da Constituição Federal e do Estado Democrático de Direito.

Visão: Ser uma academia de polícia moderna e inovadora, reconhecida pela excelência na formação e capacitação em Segurança Pública.

Valores: Integridade, inovação, imparcialidade, eficiência e ética.

A Polícia Federal enfrenta uma variedade de situações em que a competência linguística se revela um recurso inestimável. Isso abrange desde operações da Interpol, com foco no idioma oficial francês, até o atendimento a estrangeiros, defesa de fronteiras, difusão da doutrina da PF em outros países, integração e cooperação com outras polícias utilizando o inglês e atuação em representações consulares.

Cooperação internacional

A cooperação e colaboração internacional demandam que os policiais brasileiros sejam proficientes em diversos idiomas, destacando-se o inglês, preparando-os para uma comunicação eficaz em um ambiente internacional no qual a compreensão precisa dos conceitos e regulamentações internacionais para desempenhar um papel estratégico. Assim, a Polícia Federal (PF) do Brasil trabalha em estreita colaboração com a Interpol - Organização Internacional de Polícia Criminal - ao defender a população, compartilhando informações de inteligência e participando de operações policiais internacionais. 

É importante ressaltar que a Interpol utiliza o francês como língua oficial para comunicação entre policiais em diferentes países. Além disso, a Interpol emite alertas internacionais, conhecidos como "notices", que podem ser usados para solicitar a localização e a extradição de indivíduos procurados internacionalmente. A PF pode utilizar esses alertas da Interpol em suas investigações e operações.

Controle de imigração e acolhimento de refugiados

Nas fronteiras, a interação com estrangeiros é constante. A habilidade de se comunicar em espanhol e até em francês é essencial para conduzir verificações rigorosas, assegurando a aplicação de abordagens profissionais e acolhedoras. Esse requisito também se aplica ao acolhimento de refugiados no Brasil, onde a comunicação sensível e eficaz desempenha um papel vital na transmissão de compreensão e solidariedade.

Estrangeiros no território brasileiro

Na atuação da defesa de fronteira pela Polícia Federal (PF) para assegurar uma entrada segura dos estrangeiros em território nacional, a comunicação bilíngue é fundamental. Em situações como esta, onde vidas podem estar em risco, estabelecer um diálogo eficaz é de extrema importância.

O domínio de idiomas desempenha um papel crucial, permitindo uma interação precisa e compreensiva com os indivíduos envolvidos. Além de facilitar a coleta de informações essenciais, como identificação pessoal completa - incluindo nome, nacionalidade e documento de identificação - bem como o histórico de viagens e o propósito das visitas anteriores, entre outros.

Qualquer informação relevante para determinar a legalidade e a segurança da entrada do indivíduo no país pode ser vital para a atuação da Polícia Federal.

Missões consulares no exterior

Quando estão alocados em embaixadas ou unidades consulares, os policiais federais têm a responsabilidade de representar a aplicação da lei brasileira em território estrangeiro, tornando a competência linguística essencial para o êxito das interações diplomáticas e operacionais.

A capacidade de compreender, falar e interpretar outras línguas não apenas facilita a cooperação internacional, mas também fortalece a eficácia das operações conjuntas, a troca de informações e a compreensão intercultural.

O desafio

A ANP reconheceu a necessidade de aprimoramento em idiomas devido ao aumento das demandas relacionadas ao controle migratório, registro de estrangeiros, cooperação internacional e reuniões de gestão. No entanto, enfrentava desafios específicos que exigiam uma solução de capacitação 100% online e totalmente integrada:

Diversidade de idiomas

A necessidade de oferecer treinamento em uma variedade de idiomas para atender às demandas multilíngues.

Desigualdade nos níveis de proficiência

Adaptar o treinamento para atender tanto a iniciantes quanto a profissionais com diferentes níveis de proficiência linguística.

Diversidade de fusos horários e contextos de aplicação do idioma

Considerar a diversidade de fusos horários e os contextos específicos em que os idiomas seriam aplicados.

Limitações de agenda e acesso à internet

Levar em conta as limitações de agenda dos participantes e a disponibilidade de acesso à internet em diferentes locais de treinamento.

A solução

Houve visitas técnicas em Brasília, pesquisas internas e de mercado com a PF, além de compreendermos a principal necessidade da organização e como poderíamos nos destacar dos concorrentes. Por meio desse processo meticuloso, o Lingopass venceu o processo licitatório e iniciou a implementação de um projeto altamente inovador destinado a aprimorar a capacitação em idiomas, com uma estreita supervisão da Academia de Idiomas. Esse processo seguiu rigorosamente o escopo e as especificações estabelecidas no Edital de licitação:

  1. Nivelamento online em inglês, espanhol e francês.
  2. Capacitação multilíngue do nível iniciante (A1-CEFR) até o mais avançado(C2-CEFR).
  3. Plataforma EAD com acesso contínuo e ampla diversidade de recursos e funcionalidades, inclusive tutoria e laboratório de pronúncia, permitindo o desenvolvimento de todas as habilidades comunicativas de forma integrada.
  4. Aulas ao Vivo de conversação, diárias, em horários flexíveis.
  5. Avaliações periódicas para medir o progresso individual.
  6. Material didático digital acessível e otimizado para dispositivos móveis.
  7. Recursos offline para estudo sem conexão à internet.
  8. Licenças transmissíveis para substituição de alunos/servidores.
  9. Dashboard e monitoramento de métricas, com entrega de relatórios detalhados.
  10. Suporte técnico e pedagógico ágil, tanto para o aluno quanto para os gestores

Extra mile

Fomos muito além da demanda, acompanhando o gestor e seu time, antecipando demandas e atendendo solicitações dos servidores/alunos.

  • Equipe e gerente de conta dedicados, liderados por Tainã Anjos, atuaram como contatos principais para a administração do programa, auxiliando, apoiando e direcionando todas as atividades relativas ao projeto durante toda a vigência do contrato.
  • Dashboard interativo e personalizável, acessível em tempo real, apresentando métricas de engajamento, progresso e desempenho por aluno e por unidade/setor, com tempo estimado para conclusão.
  • Relatórios periódicos, gerados a partir das informações coletadas pelo do uso dos alunos (e do próprio gestor) com análises, com as principais métricas que avaliam o aprendizado. Os relatórios permitem que um gestor que não seja da área de educação consiga avaliar, controlar, fiscalizar, corrigir, aperfeiçoar a execução da iniciativa.
  • Avaliação rigorosa de aquisição do conhecimento: ao longo e no final de cada curso/trilha, o aluno deverá realizar avaliações de rendimento, visando aferir os conhecimentos adquiridos. Os gestores, quando contratam uma solução corporativa, precisam da garantia que os alunos aprendam o conteúdo e sejam capazes de aplicá-lo em suas rotinas de trabalho.

Uma interface integrada: aposta da estratégia de treinamento

O Lingopass, vencedora no processo de licitação da ANP e especializada em aprendizagem de idiomas para adultos, ofereceu uma interface personalizada para atender às diversas demandas e desafios de treinamento enfrentados.

  • A plataforma proporciona uma ampla gama de recursos de treinamento, tudo em um único local, com planos de estudos personalizados para cada usuário.
  • A navegabilidade em diversos dispositivos oferece aos usuários a flexibilidade de estudar em seus horários e locais de conveniência, permitindo a comunicação direta com tutores, incluindo a possibilidade de fazer comentários, interagir e fazer perguntas diretamente pela plataforma.
  • O conteúdo didático é contemporâneo e inovador, elaborado por uma equipe altamente especializada em design instrucional. Além disso, essa equipe realiza uma curadoria de materiais de atualidade, oriundos de fontes confiáveis.
  • Vários canais de interação incentivam a colaboração entre pares, a começar pelas aulas ao vivo, personalizadas para cada divisão da Polícia Federal e adaptadas às necessidades específicas de cada turma/departamentos.
  • Com licenças transferíveis entre usuários e idiomas, os gestores otimizam a alocação de recursos, acompanhando e designando cursos e trilhas de aprendizado para aqueles que realmente necessitavam e estavam comprometidos com a aprendizagem.

O Resultado

Ao término do segundo ano do programa:

Licenças ativas na plataforma: 1.000, sendo ⅔ para o idioma inglês

Horas de estudo: +70 mil

Atividades concluídas: + 200 mil

Lista de espera: + 200 servidores aguardando no momento

Desempenho médio: 91,5/100, indicando um alto nível de aproveitamento.

Certificados entregues: 1700

  • 15% da base da base concluiu mais de 4 níveis no período
  • 25% concluiu mais de 3 níveis no período

Índice de satisfação:

  • Satisfação Plataforma (NPS-Net Promoter Score): 71, "Muito bom"
  • Satisfação Plataforma tutores (CSAT- Customer Satisfaction Score): 87. “Excelente”

Testes de nivelamento:

  • +1.300 testes realizados nos 3 idiomas
  • 70% dos usuários iniciaram seus estudos no nível iniciante (A1-CEFR)
“Além de aprender o idioma, o curso apresentou assuntos sobre a cultura de outros países. Por este motivo, achei o curso muito bom pois além de ampliar o meu conhecimento na língua inglesa, aprendi sobre a história e a cultura de outros países.” Agente da Polícia Federal - RJ

Lingopass: abrindo novas fronteiras para o aprendizado de idiomas em larga escala e contextos específicos

O programa de capacitação em idiomas da Polícia Federal, com o Lingopass como um de seus pilares, não apenas alcançou, mas superou com sucesso os principais objetivos de treinamento estabelecidos para seus agentes.

A plataforma desempenhou um papel fundamental nesse êxito, proporcionando aos alunos acesso flexível às ferramentas de treinamento online, em sintonia com as demandas por métodos de aprendizado mais adaptáveis.

A Polícia Federal hoje conta com um total de mais de 14 mil servidores no Brasil, conforme os dados disponibilizados na seção 'Distribuição dos servidores por órgão/entidade vinculada 2024' pelo Portal da Transparência do governo. Dentro desse número, existem 2.850 policiais mulheres ocupando essas posições, o que equivale a 20% do total.

Na plataforma Lingopass, valorizamos a diversidade e, para contribuir com esse princípio, realizamos uma análise demográfica dos participantes. Constatamos que, dos 1.000 alunos matriculados, 23% são mulheres e 76% são homens. Além disso, 77% dos alunos estão na faixa etária entre 36 e 55 anos. A presença diversificada em termos geográficos, com foco no Centro-Oeste e em seis estados, demonstra a eficácia da plataforma em alcançar alunos em diversas regiões.

Para a Polícia Federal, o Lingopass não apenas facilitou a transição para o treinamento digital, mas também se tornou uma peça central na estratégia de capacitação da instituição. A plataforma permitiu que a Polícia Federal mantivesse seus agentes preparados e competitivos, mesmo em momentos desafiadores. Além disso, a ampla distribuição geográfica dos alunos em todo o Brasil foi atendida com sucesso devido à natureza acessível e online do Lingopass. O resultado final é a transformação da Polícia Federal em uma verdadeira Organização de Aprendizado, pronta para enfrentar os desafios em constante evolução do cenário de segurança nacional.

Faça Aulas gratuitas de conversação:
Sou Aluno
Seta apontando para a diagonal alta direita. Representando um link para outra página
lingonews
Receba novidades e conteúdos exclusivos em nossas newsletters.
Obrigado por se cadastrar!
Email inválido. Tente novamente ou use outro email.
Estamos na lista de 100 Startups to Watch, pela Pequenas Empresas e Grandes Negócios
Estamos na lista das 100 Latam EdTech mais promissoras de 2022 e 2023, pela HolonIQ
Acelerado por grandes parceiros:
©Lingopass - todos os direitos reservados. Termo de Uso e Política de Privacidade